BERA

xsdw

Os Potenciais Evocados Auditivos de Tronco Cerebral ou simplesmente BERA(BrainstemEvoked Response Audiometry) são registros da atividade elétrica que ocorre no nosso sistema auditivo, da orelha interna até o córtex cerebral, em resposta a um estímulo sonoro. São registrados por técnicas não invasivas e não causam nenhum desconforto ao paciente. Atualmente é o método mais utilizado e indicado na prática clínica e têm se tornado cada vez mais parte integral da bateria de testes audiológicos.
Basicamente o BERA deve ser indicado para identificar anormalidades neurológicas do nervo auditivo até o tronco encefálico e para estimar o limiar auditivo e para demais situações, tais como:

• Na avaliação da audição quando os demais testes audiométricos não são possíveis ou são inconclusivos,como pode ocorrer com adultos ou crianças não cooperantes, ou com comprometimentos neurológicos;
• Para triagem nos recém-nascidos de alto risco, devido ao grande número de crianças que podem apresentar comprometimento neural;
• Na identificação de tumores do nervo auditivo com dimensões maiores que 1 cm de diâmetro;
• Na identificação de lesões difusas como a esclerose múltipla, em combinação com outros exames;