rinoe

RINOPLASTIA COM “TÉCNICA ABERTA”… Este termo está correto?

Muitos pacientes me perguntam sobre “técnica” aberta ou “técnica” fechada. Isso realmente existe? Quais são as diferenças entre elas?
Primeiramente, o termo “técnica” aberta ou fechada não existe. A técnica cirúrgica consiste nas manobras que o cirurgião irá adotar durante a cirurgia, para conseguir as mudanças  estéticas e funcionais desejadas por ele e pelo seu paciente.

O que temos são VIAS DE ACESSO aberta ou fechada. Uma mesma cirurgia pode ser executada utilizando-se uma via de acesso aberta ou fechada. Um cirurgião pode utilizar a mesma técnica cirúrgica através de vias de acesso diferentes. Na via de acesso fechada as incisões são intranasais. Na via de acesso aberta existe uma pequena incisão na pele da columela, que com o passar do tempo fica imperceptível.
Não existe um consenso sobre qual via de acesso é melhor. Ambas são capazes de proporcionar ao paciente o resultado esperado. Na minha opinião o que importa é a segurança e experiência do cirurgião com determinada via de acesso. Uns preferem aberta, outros fechada.
Particularmente em minha rotina eu utilizo a via de acesso fechada. Reservo a via de acesso aberta para determinados casos como pontas assimétricas, nariz torto e rinoplastias secundárias. Claro que não uso isso como uma regra que deve ser rigorosamente cumprida. Algumas vezes fujo a minha rotina.

Autor: Dr. Pedro Ivo Antoniazzi Paulin
CRM: 17.492

  • imp

    Quem coloca Implante Coclear, volta a ouvir normalmente?

  • ronco-na-infancia

    Atenção ao Ronco do Seu Filho

  • jj (2)

    Teste da Orelhinha com Otoemissões Acústicas

  • klk

    Hiposmia: Diminuição do Olfato

  • women-with-headache1

    Sentir dor é sinal de que o corpo precisa de cuidados!